anuncie

26 de fevereiro de 2016

Morre o ícone Chico Rey, da dupla Chico Rey e Paraná

Escrito por: Redação

Foto: Reprodução

Chico Rey
“Aparecido de Jesus Gomes (Chico Rey)”

O cantor Chico Rey, da dupla Chico Rey & Paraná, faleceu nesta sexta-feira (26), em Maceió (AL). De acordo com informações do empresário, Toninho Lopes, o músico teve um sangramento, foi internado e não resistiu. 

Há alguns anos, Chico enfrentava um grave problema nos rins e vinha resistindo graças ao tratamento. O cantor chegou a fazer um transplante de rim, mas houve rejeição. Durante o último show do músico, em Patrocínio, no ano de 2011, ele teve que usar uma cadeira para descansar em vários momentos do evento.

Chico Rey tinha 63 anos, era casado, tinha filhos e estava em viagem de férias com a família. 

Conheçam um pouco da história da dupla Chico Rey e Paraná 

cantores-goianos-e-chico-rey-parana-fazem-show-gratuito-na-praca-civica

Os irmãos Francisco Aparecido de Jesus Gomes (Chico Rey) e José Claudio Gomes (Paraná), nasceram em Arapongas, no estado do Paraná, respectivamente em 09 de novembro, e 28 de Janeiro de 1956.

Começaram a cantar ainda crianças no Paraná, Chico Rey aos oito e Paraná aos seis anos de idade, acompanhando o pai que era seresteiro. Juntaram-se profissionalmente em Brasília, para onde a família se mudou em meados de 1970.

Em 1976, começaram a se apresentar no programa “No Balanço da Viola”, da Rádio Alvorada de Brasília. Em 1978 participaram da novela “Feijão Maravilha” da TV Globo e em 1980 lançaram regionalmente o seu primeiro LP.

No ano de 1983, ocorreu um fato decisivo em suas carreiras que foi a assinatura de contrato com a gravadora Continental, onde gravaram um de seus maiores sucessos, o disco, “Operário”, “Vida e Viola”, no qual fizeram sucesso com a música título, além de. “Esperança de Mãe, “Colchão Queimado”, “Tua Imagem” e “Amor de Pobre”.

O sucesso nacional só chegou no 5º LP com a música “Quem Será Seu Outro Amor”, quando ganharam seu primeiro disco de ouro com essa canção.

A dupla continuou se destacando com canções como; “Amor Rebelde”, “Encanto e Magia” e “Alma Transparente”. Em 1992, participaram da novela “Deus nos Acuda” da TV Globo.

A dupla conseguiu mais de 18 discos e dois Dvds, a dupla contribuía muito para a música sertaneja. Entre os seus sucessos estão também “Canarinho Prisioneiro”, “Alma Transparente”, “Leão Domado”, “Loucura por Você”, dentre tantos outros.  

Texto:  Luiz Henrique Pelícia (Caipirão) para o site Sertanejo Oficial