23 de abril de 2013

Homem de 50 anos de idade é preso em Catalão, por acusação de estupro de vulnerável

Criança 2Homem de 50 anos suposto autor

Na manhã desta terça-feira, 23, uma viatura do 18º Batalhão de Polícia Militar foi acionada para uma ocorrência de uma denúncia de estupro de vulnerável. O padrasto de R.L., de apenas seis anos de idade, é trabalhador rural e estava em uma fazenda prestando serviços. Ele retornou para sua casa, na segunda-feira, 22, e notou que a criança estava com vários hematomas pelo corpo.

Criança 1Marcas da agressão que supostamente o autor possa ter cometido 

Conversando com o menino, ele revelou ao padrasto, que um vizinho, um homem de 50 anos de idade, o teria molestado. O padrasto convenceu que o menor fosse até a casa do vizinho com ele, e antes disso, o garoto já teria relatado detalhes sobre o interior da casa do acusado.

A criança também contou aos policiais militares que foi tocada pelo homem e que sofreu agressões em várias partes do corpo, além de ser chupado nas partes íntimas. O laudo do corpo de delito apontou manchas nas nádegas do menino.

A viatura do Sargento Ney e Cabo Manoel, com a ajuda do padrasto e da criança conseguiu localizar o suposto autor, em um bar na Avenida São João. O homem foi identificado pela vítima e foi preso, sendo levado à Delegacia de Polícia, para as devidas providências.

O suposto autor, Sergio Antônio Cardoso, de 50 anos de idade, irá responder por estupro de vulnerável e pode pegar de 8 a 15 anos de cadeia.