15 de outubro de 2015

QUERO VER NO BLOG: Internautas questionam sobre o rodízio de abastecimento nos bairros neste ano

Escrito por: Badiinho Filho

Fotos: Reprodução

Recebemos de nossos internautas várias solicitações de esclarecimentos se neste ano haverá ou não rodízio no abastecimento de água nos bairros de Catalão. Solicitamos respostas da Assessoria de Imprensa da Superintendência Municipal de Água e Esgoto (SAE), que em nota prestou os devidos agradecimentos.

Ribeirão Pari
“SAE trabalha em regime de alerta desde o mês de setembro e com a captação auxiliar do Ribeirão Pari em operação desde agosto”

NOTA

Conforme já anunciando pela SAE, estamos em regime de alerta desde o mês de setembro e com a captação auxiliar do Ribeirão Pari em operação desde 11 de agosto/15.

A quantidade de água disponível nos Ribeirões Samambaia e Pari é insuficiente para abastecer a população da cidade. Com o volume de água disponível, o rodízio deverá ser inevitável nesse período, quando o consumo é sempre maior. No entanto, o que precisa ficar claro é que ao longo do ano a SAE tem feito trabalhos de conscientização e preservação da água, a fim de evitar um racionamento ou sistema de rodízio, além de efetuar manobras no sistema, para garantir que a água chegue às casas dos moradores. Caso não chova nos próximos 15 dias, as vazões não serão suficientes para o abastecimento completo da cidade e, sim, teremos que recorrer a uma escala de rodízio.

 Falta de energia tem comprometido abastecimento 

Outra situação são os problemas com relação ao fornecimento de energia elétrica para as áreas de captação, e para a Estação de Tratamento de Água (ETA) e principalmente a redução brusca de volume captado, abaixo da capacidade de bombeamento do sistema, que podem comprometer a rede de preservação e distribuição de água, acarretando atrasos na distribuição desigual nos bairros.  Outro fator que deve ser considerado, é que, em caso de falta de água como ocorreu nesse fim de semana, o sistema de água normaliza primeiro em bairros com topografia baixa e assim gradativamente… Por isso em alguns bairros como Pontal Norte a regularização só acontece após 24hrs de restabelecimento completo do sistema.

Internauta reclama de falta de segurança no Setor Universitário

violencia1-620x450

Bom Dia, então ontem, quarta-feira, 14, por volta de 20hrs, nós, um grupo de jovens que faz curso no Colégio Instituto no Bairro Setor Universitário, fomos abordados por dois caras em uma Moto de cor prata, sendo que o passageiro tinha uma arma de fogo. Os mesmos levaram nossos aparelhos celulares (3 aparelhos), os quais também nos fez ameaças com a arma sobre nossas cabeças.

Após o ocorrido, ligamos para o Batalhão da Polícia, no qual também estava sem energia o que impossibilitou nosso contato. Só conseguimos falar com o celular da viatura que transita pela 20 de agosto.

Venho pedir aqui neste espaço, o seu apoio sobre esse fato, porque aquele bairro quase não se vê uma viatura passando por lá, e como já disse, no colégio tem vários alunos que ficam esperando ônibus e o perigo ali e constante e, infelizmente ontem fomos mais uma vítima de ações criminosas.

O relato é de uma internauta que contou que ela e seus amigos foram vítimas de assaltantes próximo ao “Instituto de Educação Matilde Margon Vaz”, a qual também reclama da falta de segurança no local.