anuncie

28 de agosto de 2015

Polícia Rodoviária Federal realiza operação e mais de 10 carretas ficaram retidas

Escrito por: Ascom/PRF Catalão GO

Foto: Divulgação/PRF

20150828150637

A PRF realizou uma operação para a fiscalização dos itens identificadores dos veículos e acabou retendo mais de 20 veículos por motivos diversos, desde o transporte de mercadoria sem nota fiscal (remédios e bebidas), transporte irregular de produtos perigosos e motorista que não possui a devida capacitação para condução de veículos de transporte de cargas.

Foram feitos quatro Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), sendo um por exercício ilegal de profissão, devido ao condutor não possuir curso específico para quem transporta carga indivisível e outros três por transporte de mercadoria sem possuir a devida nota fiscal.

A PRF alerta que o transporte de mercadoria sem nota fiscal é crime, além da multa aplicada pela Receita Estadual, o condutor fica sujeito a uma pena de 6 meses até 2 anos e multa.