anuncie

26 de dezembro de 2018

NATAL SEM LUZ: NA VÉSPERA DE FERIADO CONDOMÍNIO DE CATALÃO FICA 20 HORAS SEM ENERGIA; EM ANHANGUERA, MORADORES FICAM 15 HORAS NO ESCURO

Foto: Reprodução

Ei Você, você mesmo que está lendo este post, goianos, todos clientes da Enel Distribuição, que por um acaso atrasou sua tarifa de energia neste últimos meses, já deve ter recebido uma ligação da Enel, cobrando para que seja efetuado o pagamento de sua tarifa, e nessa ligação, a telefonista da empresa te dá um ultimato para que seu nome não seja incluído em órgãos de proteção a créditos.

Posterior a ligação da Enel, você abre sua caixa de correspondência e está lá, uma carta de comunicado do SPC Brasil, alertando para que pague em dia a sua fatura, evitando que seu nome não seja negativado. Até aí tudo, mas o problema que o único direito que nós contribuintes estamos tendo, é o de ser cobrado, haja vista os sérios problemas no fornecimento de energia em Catalão e em nossa região, o que não deve ser diferente em outras regiões do Estado de Goiás.

Na última sexta-feira, 22 de dezembro, os moradores do Condomínio dos Buritis, ficaram por 20 horas sem energia elétrica. Segundo o protocolo de solicitação para atendimento de um dos moradores, a energia acabou por volta das 16h de sábado (22) e só retornou às 09h da manhã de sábado, 23 de dezembro.

Já em Anhanguera, cidade da região sudeste de Goiás, os moradores ficaram cerca de 15 horas sem o fornecimento de energia elétrica. Nas redes sociais, os moradores relataram que a interrupção começou às 13 horas de ontem, terça-feira (25), feriado de natal, só retornando na madrugada de hoje, quarta-feira (26), isso às 05 horas da manhã.

Assim têm sido a vida dos clientes da Enel Distribuição em nossa região, sem defesa dos governantes e de quem detém de poder para defender os interesses públicos. Neste caso, seria viável uma atuação do Ministério Público ou quem sabe até do nosso Poder Judiciário, pois são constantes as residências nas interrupções do fornecimento de energia por parte da Enel, que tem mostrado rigidez para que os clientes paguem em dia suas tarifas, que por sinal não é barata, mas não correspondem nas prestações de serviços para os goianos.


Veja as respostas para os dois últimos casos:

A Enel Distribuição Goiás informa que o fornecimento de energia no local (Condomínio dos Buritis) está normalizado. A distribuidora esclarece que uma falha na rede de distribuição causou a interrupção do serviço.


Sobre a demanda do município de Anhanguera, segue nosso posicionamento:

A Enel Distribuição Goiás informa que o fornecimento de energia no município de Anhanguera está normalizado. A companhia esclarece que a chuva e os fortes ventos que atingiram a região na tarde de ontem (25) causaram danos à rede elétrica, comprometendo o serviço. A situação foi agravada pela queda de galhos e árvores sobre a fiação elétrica. A distribuidora ressalta que iniciou imediatamente seu plano de contingência, com o aumento de equipes, para restabelecer integralmente o fornecimento de energia para os clientes impactados.

 

Escrito por: Badiinho Filho