anuncie

23 de dezembro de 2020

ELENCO DO CRAC FOI APRESENTADO NA ÚLTIMA SEGUNDA-FEIRA (21); CERCA DE R$ 500 A R$ 700 MIL SERÃO INVESTIDOS PÁRA A CONCLUSÃO DO ESTADUAL DESTE ANO

Apresentação do elenco aconteceu na última segunda-feira (21), no estádio Genervino da Fonseca. Foto: Facebook/Reprodução

O Clube Recreativo e Atlético Catalano (CRAC), apresentou na última segunda-feira (21/12), o novo elenco que irá disputar o restante do Campeonato Goiano deste, paralisado em março por decorrência da pandemia da Covid-19, mesmo elenco que disputará o calendário 2021, Estadual e outras competições que poderá disputar no próximo ano.

Os novos atletas do Leão do Sul são:

GOLEIROS: Bruno Fuso e Lucas Reis (Lucão);

ZAGUEIROS: Nilo Eduardo (Nilo), Rafael Cardoso, Renato Justi, Maycon Rodrigues;

VOLANTES: Hélder Ribeiro, Amorin do Nascimento;

LATERAIS DIREITO: Alex Miranda, Leilcson Santos (Lê Santos);

LATERAL ESQUERDO: Wesley Raizeman;

MEIA: Davi Alexandre;

ATACANTES: Alef Leite e Iago Pereira;

CENTROAVANTE: Gabriel Barcos.


FICHA TÉCNICA


TREINADOR:
Carlos Rabelo

AUXILIAR TÉCNICO: Lucas Andrade

PREPARADOR FÍSICO: Sander Ramos

PREPARADOR DE GOLEIROS: Vacil Batista de Souza

MASSATERAPEUTA: Vanderlei Soares

MORDOMOS: Lucas Ribeiro e Odair Neto.

Entre os jogadores contratados, permaneceram na equipe do início do Goianão 2020 os goleiros Bruno Fuso e Lucão, o zagueiro Renato Justi e Nilo, volante Hélder e o atacante Alef. Os jogadores conhecidos no futebol goiano comoo volante Bruno Menezes (ex-Iporá), o meia Davi Ceará (ex-Vila Nova) e o atacante Gabriel Barcos (ex-Paraná) passam a compor o elenco.

O CRAC de Catalão que detém 13 pontos no Goianão 2020 e ocupa a quinta posição, restando enfrentar o time do Vila Nova no dia 13 de janeiro, no Gernevino da Fonseca, em Catalão, e o Atlético Goianiense, em Goiânia, para a conclusão da primeira fase.


VERBA PARA A CONCLUSÃO DO GOIANÃO 2020

Em entrevista concedida em emissora de rádio, afirmando que “não quer entrar para história como o prefeito que acabou com o CRAC, sobre a conclusão do campeonato goiano desse ano e sequência do time em 2021, o prefeito e presidente de honra, Adib Elias, disse que se o CRAC de Catalão não disputar os dois últimos jogos com o Vila Nova e Atlético-GO, o time irá ser suspenso por dois anos, retornando depois da punição na terceira divisão do Goianão, ou seja, se tudo der certo, será uma jornada de 5 anos para voltar a participar da primeira divisão do estadual.

Nessa mesma entrevista concedida no dia 4 de dezembro, Adib também confirmou que para a conclusão da competição desse ano, não será investido R$ 1,6 milhão, acreditando que sejam gastos um terço desse valor, falando-se em cerca de R$ 500 a R$ 700 mil reais, recursos esses, que já foram aprovados pelo Poder Legislativo nesse ano, os quais não foram gastos em sua totalidade, disse Adib.

 

Escrito por: Badiinho Filho