• 64 99927 3817
anuncie

13 de abril de 2020

CORONAVÍRUS: SECRETÁRIO DE SAÚDE, VELOMAR RIOS, RECOMENDA CATALANOS PARA EVITAREM VAI E VEM ENTRE CATALÃO E A CIDADE MINEIRA DE UBERLÂNDIA

Uberlândia conta com 4 mortes confirmadas de covid-19. Foto: Cleiton Borges/PMU

Não é de agora o relacionamento dos catalanos com a cidade de Uberlândia, no Estado de Minas Gerais,  distante a pouco mais de 100 quilômetros de Catalão. E é por esse relacionamento de proximadade, o Secretário de Saúde do município de Catalão, no dia de hoje, segunda-feira (13), em duas oportunidades, pediu para que os catalanos evitem viajar até a cidade mineira, afim de evitar que o coronavírus/covid-19 se alastre em Catalão.

De acordo com os dados da Secretaria de Saúde de Uberlândia divulgados no domingo (12), o município com quase 800 mil habitantes, conta com 2.211 casos suspeitos, 66 confirmados, 7 óbitos suspeitos, 4 óbitos confirmados pela covid-19, além de 28 pessoas internadas, das quais 13 estão na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e outras 15 na enfermaria.

O primeiro pedido feito por Velomar Rios foi logo no início da manhã, em evento de entrega dos kits feitos pela mineradora CMOC, ocorrido no auditório da prefeitura. “Nossa preocupação é com Uberlândia, pois a aproximação e o relacionamento com as duas comunidades, faz com que se tenha um vai e vem muito grande, e a gente recomenda as pessoas que são de Catalão, ou que moram em Uberlândia, ou que tenham os pais aqui, que evitem essas visitas, porque em Uberlândia foi declarado o descontrole, não tem controle mais do vírus, e o grande risco na minha avaliação, é de sermos contaminados com o vírus oriundo da cidade de Uberlândia”, disse o Secretário de Saúde, Velomar Rios.

No início da tarde, Velomar Rios voltou a fazer a solicitação em sua participação no programa Mais Catalão, apresentado pelo Jornalista Leandro Fernandes e Fabrine Oballhe.

Secretário de saúde do município de Catalão, Velomar Rios, recomenda paralisação no vai e vem entre Catalão e a cidade mineira de Uberlândia. Foto: Reprodução

“Uberlândia eu tenho dito a todo momento, e isso eu estou dizendo, o vírus que irá circular em Catalão, Deus queira que não, mais se vier a vir circular em Catalão, na minha opinião ele será oriundo de Uberlândia, devido ao relacionamento das duas comunidades, principalmente as pessoas de Catalão que vão a Uberlândia sem parar, e que num momento desse, a minha recomendação, é que deixe de ir a Uberlândia. Só vá se houver necessidade mesmo, assuntos que não tenha como adiar, mas se tiver, que não vá por enquanto”.

“Nós temos o maior respeito por Uberlândia, respeito pela comunidade, pelo povo de Uberlândia, é um povo que acolhe a população de Catalão tão bem, mas nesse momento, se puder fazer um sacrifício de alguns dias sem ir a Uberlândia, é importante, para evitar de trazer uma contaminação para si e até mesmo para a nossa comunidade”, frisou Velomar Rios durante sua entrevista para o Programa Mais Catalão”.

O secretário afirmou, que até a manhã de hoje, a cidade possuí apenas um caso suspeito, sendo o da criança de 1 ano, e os demais exames que estavam no LACEN, todos foram descartados, explicando que os 13 suspeitos, são suspeitos clínicos.

 

Escrito por: Badiinho Filho