• 64 99927 3817
anuncie

29 de fevereiro de 2020

BOATOS DE CORONAVÍRUS EM CATALÃO: JOVEM DE 23 ANOS DE IDADE RECEBEU ALTA DO HDT EM GOIÂNIA, E NÃO DÁ UPA DE CATALÃO, AFIRMA DIRETOR

Após exames, Hospital de Doenças Tropicais (HDT), em Goiânia, descartou possibilidade de coronavírus e deu alta ao rapaz de 23 anos. Foto: Reprodução

Após publicarmos a matéria do encaminhamento de um jovem de 23 anos de idade da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Catalão, assim que ele deu entrada na unidade com uma síndrome respiratória, alguns de nossos leitores entraram em contato com o Blog do Badiinho, questionando a agilidade dos exames que afastaram a hipótese do rapaz estar com o novo coronavírus – covid-19, novamente entramos em contato com o diretor da UPA de Catalão, Rosêngelo Pereira, que disse o seguinte:

“Esse paciente chegou na UPA, não com sintomas do coronavírus, mas sim com uma insuficiência respiratória crônica, e foi regulado normalmente, encaminhado para o HDT em Goiânia, e próprio HDT que faz os exames, descartou a possibilidade de ser coronavírus, ou seja, não fomos nós aqui, foi o HDT que concedeu alta ao paciente”, afirmou Rosângelo Pereira, diretor da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Catalão.

Outro ponto do boato que tomou conta das redes sociais, foi com relação ao esvaziamento da UPA de Catalão quando o rapaz chegou na unidade procurando atendimento médico. De acordo com Rosângelo, a informação não procede, e não houve nada parecido com o quem foi divulgado por algumas pessoas.

No início da tarde deste sábado (29), a Prefeitura de Catalão, divulgou uma nota sobre o assunto em suas redes sociais. Leia abaixo:

COMUNICADO

A Secretaria Municipal de Saúde informa que na noite desta sexta-feira (28), um paciente atendido na UPA foi diagnosticado com síndrome respiratória e enviado a Goiânia, num procedimento normal de regulação, onde foi atendido e já obteve alta. Nada a ver com suspeita de coronavírus. Assim, não há motivo para preocupação.

Secretaria Municipal de Saúde

 

ENTENDA O CASO

Foto: Reprodução

Desde às 22h30 da noite de ontem, sexta-feira (28/02), o Blog do Badiinho está recebendo inúmeras mensagens de vários leitores, que nos informam sobre a possibilidade termos em nossa cidade, a primeira suspeita do Novo Coronavírus – Covid-19, doença essa que começou no final de dezembro do ano passado na China, e se espalhou rapidamente no mundo todo.

O Blogueiro Badiinho Filho, na manhã deste sábado (29), entrou em contato com o Secretário de Saúde do município de Catalão, Senhor Velomar Gonçalves Rios, que afirmou que na data de ontem, realmente deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Catalão, um rapaz de 23 anos de idade, o qual apresentava problemas respiratórios. Segundo o secretário, antes, quando alguma pessoa procurava atendimento médico apresentando problemas respiratórios, a primeira suspeita era de H1N1, porém, levanta-se a questão do novo coronavírus.

Sobre o rapaz de 23 anos de idade que deu entrada na UPA nesta sexta-feira, Velomar explicou que, como ele apresentava uma síndrome respiratória, ele foi regulado para o Hospital de Doenças Tropicais, em Goiânia, capital de Goiás, isso devido ao grande alarme do coronavírus que assusta as pessoas. O secretário disse ainda, que lá no HDT, o jovem passará por uma bateria de exames realizados pelo Laboratório Central do Estado de Goiás, e mesmo que nestes exames dê positivo, ele ainda será considerado como suspeito, pois, para ser confirmado que a pessoa esteja infectada pelo novo coronavírus, é exigido uma contraprova de exame.


CASO DESCARTADO 

No momento em que estávamos finalizando o texto, recebecemos a ligação do Diretor da UPA de Catalão, Rosângelo Pereira da Silva, nos informando que o rapaz já teria passado pelos exames no Hospital de Doenças Tropicais (HDT), em Goiânia, e que foi descartado a infecção do novo Cornavírus no paciente, afirmando ainda que ele agurdava veículo para retornar para a cidade de Catalão. 


CATALÃO ESTÁ PREPARADA PARA CASOS DE CORONAVÍRUS

O Secretário de Saúde de Catalão, Velomar Rios, disse que mesmo com todo esse alarme, e que realmente carece de atenção, sua maior preocupação ainda é com os casos de dengue e sarampo, pois o sarampo a incidência de mortes causadas por essas doenças serem bem maiores. Porém, o responsável pela saúde de Catalão, afirmou que caso se confirme casos em cidade, as estruturas dos hospitais de Catalão estariam preparadas para receber esses pacientes, citando a Santa Casa de Misericórdia, onde ele afirma que existe leitos de isolamentos, o mesmo que dispõe os hospitais particulares da cidade, afirmando ainda a competência de um professional médico do município, especialista em infectologia, que é o Dr. Franco Nero.

 

Escrito por: Badiinho Filho