• 64 99927 3817
anuncie

2 de outubro de 2019

MONTADORA DA MITSUBISHI EM CATALÃO VOLTA A DEMITIR FUNCIONÁRIOS

Última demissão em massa na montadora da marca Mitsubishi em Catalão, ocorreu em março deste ano. Foto: Pidim José Pedro Júnior/Jornal O Catalão

Pela manhã, o Blog do Badiinho recebeu várias mensagens de leitores, os quais nos questionavam sobre possíveis desligamentos de colaboradores na montadora de veículos HPE. Porém, por meio de nota, o Sindicato dos Metalúrgicos de Catalão (SIMECAT), informou que a montadora de veículos da Mitsubishi em Catalão, voltou novamente a demitir funcionários nesta quarta-feira (02/10), mas que não foram informados da quantidade exata da quantidade de trabalhadores demitidos. 

A assessoria de comunicação do Sindicato, informou que no início desta ano, mais precisamente no início do mês de abril, foi firmado um acordo entre SIMECAT e empresa, para que nenhum trabalhador fosse desligado até o final do mês de setembro, em contrapartida, para que fossem evitadas as demissões, os colaboradores tiveram seus salários reduzidos conforme a redução da jornada de trabalho. 

A última demissão em massa ocorrida na montadora da Mitsubishi em Catalão, ocorreu em março deste ano

A empresa não se manifestou a respeito dos desligamentos de colaboradores, mas segundo informações obtidas pelo Blog do Badiinho de pessoas que trabalham na montadora, esse número poderá chegar a 100 nos próximos dias, porém, frisamos que a informação é extraoficial. 

Na nota, publicada no Facebook do SIMECAT, os sindicalistas afirmam que foram pegos de surpresa com a notícia das demissões, e que uma reunião está agendada entre Sindicato e empresa para o próximo dia 09 de outubro. Informa ainda a nota, que foi pedido esclarecimentos a diretora de RH, do que teria motivado as demissões. 

NOTA DO SINDICATO DOS METALÚRGICOS DE CATALÃO 

O Sindicato dos Metalúrgicos de Catalão (SIMECAT) foi surpreendido nesta quarta-feira (02) com demissões na Mitsubishi. Muito nos assustou, pois a empresa nada comunicou sobre o assunto, sendo que até mesmo uma reunião já está marcada para o próximo dia 9 para discutirmos sobre a Campanha Salarial.

Conseguimos notificar a montadora através de um ofício para a Diretora de RH exigindo que as demissões sejam cessadas e que possamos dialogar. Estamos aguardando por informações oficiais para esclarecimento dos números e o que motivou os desligamentos.

Lembrando que, no começo do ano o SIMECAT e os trabalhadores conseguiram um acordo para a manutenção dos empregos. O acordo teve início no mês de abril e se encerrou no último dia 30. Foram seis meses de sacrifício dos trabalhadores com percentuais de 2 a 10% a menos nos salários (conforme a quantidade de dias não trabalhados).

O SIMECAT preza sempre pelo diálogo, pois somente assim encontraremos caminhos que sejam menos prejudiciais para ambos os lados.

 

Escrito por: Badiinho Filho