• 64 99927 3817
anuncie

9 de agosto de 2019

EM CATALÃO, IDOSA DE 75 ANOS DE IDADE É ENCONTRADA MORTA DENTRO DE SUA CASA; POLÍCIA CIVIL SUSPEITA QUE NETO TENHA MATADO AVÓ PARA ROUBAR UM BOTIJÃO DE GÁS

Foto: Divulgação da PM/Reprodução

CRIMES CONTRA IDOSOS| Uma idosa de 75 anos de idade, identificada como Maria Patrício Ribeiro, foi encontrada morta dentro de sua casa, na Rua das Palmeiras, no Jardim Primavera. Informações é que a idosa teria sido encontrada por duas amigas que teriam ido à casa da vítima, chamaram ela pelo nome, porém os chamados não foram respondidos. Tempo depois, as mulheres voltaram até a casa da idosa, e novamente a vítima não responderam aos chamados das amigas, foi quando entraram na residência e encontram o corpo da idosa no chão de um dos quartos da casa, apresentando alguns ferimentos.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado, e um médico constatou o óbito da idosa. Posterior ao atendimento do SAMU, policiais militares resguardaram o local até a chegada da Polícia Técnico Científica para a realização da perícia e encaminhamento do corpo ao Instituto Médico Legal (IML).

Na madrugada de hoje, por volta das 5h da manhã, um jovem de … segundo a Polícia Civil, neto da idosa, foi preso no mesmo bairro por policiais do Grupo de Patrulhamento Tático (GPT), suspeito de ter assassinado a idosa, o que configura-se em suspeita de latrocínio.

A Polícia Civil de Catalão, informou ao Blog do Badiinho, de que o neto da idosa de 75 anos idade, teria sido visto saindo da casa da idosa carregando um botijão de gás, o qual foi preso horas depois por uma equipe da PM na companhia do possível receptador.

Em nota, a comunicação social da Polícia Militar de Catalão confirmou a versão da Polícia Civil, a qual você confere na íntegra abaixo:  

Jovem de 29 anos de idade, neto da idosa encontrada morta em sua casa, foi preso por policiais do GPT, e ele é o principal suspeito do crime. Foto: Divulgação da PM/Reprodução


POLÍCIA MILITAR PRENDE AUTOR DE LATROCÍNIO EM FLAGRANTE

Por volta das 00:30 do dia 09/08/2019, a polícia militar foi acionada pela equipe do SAMU para atender uma ocorrência no bairro Jardim Primavera, local onde foi encontrado o corpo de uma idosa com marcas de violência na face, bem como alguns objetos revirados e a ausência de um botijão de gás na residência.

Diante dos indícios de latrocínio, as equipes acionaram a polícia civil e a polícia científica, em seguida, diligências foram realizadas pela Polícia Militar que identificou o suposto autor do crime, que já possuía antecedentes criminais por furto, roubo e tráfico de drogas.

Realizadas as buscas pelo suspeito, que foi localizado ainda no bairro primavera, logo após ter realizado a venda do botijão de gás subtraído na residência da vítima.

Na ocasião, os policiais realizaram também a prisão do comprador do botijão por crime de receptação.

O autor do latrocínio, de 29 anos de idade, já havia sido preso pela Polícia Militar na semana passada com um mandado de prisão pelo crime de Roubo, entretanto já estava em liberdade.

Diante do fato, ambos foram presos e conduzidos ao DP para as providências legais cabíveis.

 

Escrito por: Badiinho Filho/Com informações da PM e PC