• 64 99927 3817
anuncie

7 de agosto de 2019

AGÊNCIA DA RECEITA FEDERAL CORRE O RISCO DE SER FECHADA EM CATALÃO; SOLUÇÃO SERIA TRANSFORMAR AGÊNCIA EM POSTO DE ATENDIMENTO

Agência da Receita Federal de Catalão. Foto: Badiinho Filho

A cidade de Catalão poderá perder a agência de atendimento da Receita Federal, é o que diz o vice-presidente do Conselho Regional de Contabilidade (CRC/GO), o contador Marcelo Cordeiro, o qual revelou que caso não se chegue a um acordo com a Prefeitura de Catalão, após o corte do orçamento feito pelo Ministro da Economia, Paulo Guedes, o caminho será mesmo o fechamento da agência em Catalão, aja vista que a única saída para evitar a perda total do órgão em nossa cidade, seria firmar um convênio entre a prefeitura local com o órgão federal, explicando ele, que o município assumiria algumas despesas, e assim, permitiria que a agência da Receita Federal de Catalão se transforme em um posto de atendimento, o que segundo Marcelo Cordeiro, não acarretaria em prejuízos aos contribuintes catalanos, tanto para contadores, quanto aos empresários e demais usuários.

O vice-presidente do CRC/GO explicou ao Blog do Badiinho, que nesse novo convênio a ser firmado entre a Receita Federal e o município, as despesas que a prefeitura teria que assumir, seriam a manutenção e limpeza do prédio, pagamento do salário de uma secretária e contas telefônicas, seriam os custos para o município. Já os custos com servidores, continuará a cargo da Receita Federal.

Segundo Marcelo Cordeiro, diante da situação, representantes da Receita Federal já teriam agendado uma reunião com o prefeito Adib Elias, que segundo Marcelo, teria se comprometido em buscar uma solução para o problema, mas, de imediato, ele não poderia assumir tais despesas, que fica entorno de R$ 10 mil reais. Segundo Cordeiro, como a prefeitura já possuí algumas frentes de trabalho, essas despesas podem cair para cerca de R$ 5 mil reis por mês.

O vice-presidente do CRC/GO, Marcelo Cordeiro, disse ainda que não existe uma data prevista para o fechamento da agência da Receita Federal de Catalão, porém, ele afirmou que está para ser publicada uma portaria pela Receita Federal de Brasília-DF, comunicando o fechamento destas agências, o qual pode ser publicado hoje ou daqui um mês, mas o fato é, que essa agência da Receita em Catalão, será transformada em posto de atendimento, e para isso acontecer, necessita-se do convênio com a prefeitura.

“Nós, como representantes do Conselho Regional de Contabilidade (CRC/GO), a nossa preocupação é que isso não prejudique os contribuintes e nem o atendimento aos contadores, e é por isso que estamos tentando viabilizar junto com o prefeito Adib Elias, uma alternativa para que a unidade não feche. Apesar de possuirmos muitos trabalhos que são feitos eletronicamente via portal da Receita Federal, ainda existem muitos trabalhos e atendimentos físicos, ou seja, a Receita Federal não está ainda cem por cento digital, e caso seja fechado a unidade de Catalão, teremos muitos prejuízos para a comunidade e contadores em mondo geral”, explicou o vice-presidente do Conselho Regional de Contabilidade (CRC/GO).

Marcelo Cordeiro é contador em Catalão e vice-presidente do Conselho Regional de Contabilidade (CRC/GO). Foto: Reprodução

Segundo Marcelo Cordeiro, caso seja feito o convênio, a Receita Federal poderá passar o seu prédio para o município, caso o município queira colocar alguma outra secretária junto ao órgão federal, como por exemplo, a Secretaria do Trabalho e Renda. Outra solução apontada por Cordeiro, seria a transferência do órgão para alguma outra estrutura, como por exemplo, para o Vapt e Vupt, ou até mesmo para a ACIC/CDL, porém, nesse caso, será necessário toda uma estrutura que ofereça condições para o servidores da Receita Federal realizarem os atendimentos.  

 

Escrito por: Badiinho Filho