• 64 99927 3817
anuncie

5 de agosto de 2019

LIVRO 'QUEM MATOU ORIPÃO? DIAMANTES, POLÍTICA, FESTAS E ... MORTE'! FOI LANÇADO COM NOITE DE AUTÓGRAFOS DE MAMEDE LEÃO, AUTOR DA OBRA QUE RELATA O ASSASSINATO DO PREFEITO EURÍPEDES PEREIRA

Professor Mamede Leão ao lado da família de colaboradores do livro ‘Quem Matou Oripão?, lançado na noite da última sexta-feira, 02 de agosto, dia que completou-se 21 anos do assassinato do ex-prefeito Eurípedes Pereira. Foto: Wilker Barbosa/Reprodução

Lotado, assim ficou o auditório do Plenário Júlio Pinto de Melo da Câmara Municipal de Catalão, onde diversas personalidades da educação, lideranças, autoridades políticas e pessoas ligadas a cultura e a arte de nossa cidade, estiveram na noite da última sexta-feira, 02 de agosto, para prestigiarem o lançamento do livro ‘Quem Matou Oripão? Diamantes, Festas, Políticas, Festas e … Morte!, obra que narra a morte trágica de um maiores e mais populares líderes políticos da nossa região, que foi o ex-prefeito Eurípedes Pereira Ferreira, o Oripão.

A obra foi escrita pelo professor, blogueiro e ex-vereador, Enival Mamede Leão, e quem queria que Mamede Leão assinasse um autógrafo no livro, teve que pegar uma fila para conseguir uma foto e autógrafo do autor do livro.

O livro de 264 páginas, levou 8 meses para ficar pronto, pois foi necessário várias entrevistas e uma pesquisa minuciosa no Inquérito Policial sobre o crime contra o Oripão, o qual detém de mais 2.700 páginas, lidas uma a uma por Mamede Leão.

O prefeito Eurípedes Pereira Ferreira, o ‘Oripão’, foi encontrado morto na garagem de sua casa com 10 tiros, isso em 02 de agosto de 1998.

O funcionário público Jardel Mariano da Silva, que na época trabalhava com o prefeito, foi quem encontrou o corpo de Oripão. “Foi muito triste, foi às 15 para 1h da manhã, eu estava sozinho chegando da Pecuária, encontrei o corpo lá baleado no carro, e até hoje é triste a lembrança”, disse Jardel Mariano, funcionário que encontrou o corpo do prefeito Eurípedes Pereira.

“Tudo que está no livro, está no processo, está no Inquérito Policial, então eu privilegiei os documentos, mergulhei oito meses nesses documentos, e trago no livro, o que está lá. Então grande partes das histórias que estão aqui, a população de Catalão não tinha conhecimento, e o meu trabalho como historiador, é justamente isso, resgatar, trazer essa história para os catalanos, e evidentemente, baseado nesses documentos, nessas provas, nesses depoimentos.

O livro ‘Quem Matou Oripão? Diamantes, Política, Festas e … Morte!, está sendo vendido pelo preço de R$ 30 Reais,  e pode ser encontrado na Avenida João XXIII, no Escritório de Contabilidade Mamedes, em frente a Mateco Materiais para Construção e próximo a Rádio Cultura, ou pelo telefone: (64) 9 8444-2665.

ASSISTA A REPORTAGEM 

VEJA ALGUMAS FOTOS

Escrito por: Badiinho Filho/Fotos: Wilker Barbosa