• 64 99927 3817
anuncie

22 de janeiro de 2019

CERIMÔNIA MARCA INÍCIO DAS OBRAS DE CONSTRUÇÃO DA CASA DO ESTUDANTE

Que tal responder uma pesquisa rapidinho? Clique aqui sua opinião é muito importante!
Todos os presentes no evento, posaram para um registro fotográfico próximos à placa de identificação da obra. Foto: Ascom – RC -UFG/Reprodução

Na tarde da última sexta-feira (18), o terreno da futura Casa do Estudante Universitário recebeu autoridades da gestão municipal, autoridades da universidade, membros do movimento estudantil, comunidade universitária e comunidade local para uma cerimônia que marcou o início das obras desta tão almejada Casa.

Citado pelo Reitor da Universidade Federal de Goiás (UFG), presente na cerimônia, como um ato de delicadeza por parte da gestão desta Regional, o momento registrou, portanto, quão desejado e com que enorme luta esse recurso foi alcançado. Marcaram presença nesta cerimônia o referido Reitor da UFG Prof. Edward Madureira Brasil, a Diretora da Regional Catalão Prof.ª Roselma Lucchese, o Secretario Municipal de Educação Leonardo Santa Cecília, na oportunidade representando o Prefeito de Catalão Adib Elias, também o Presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Vereador Caçula, os representantes do Movimento Estudantil Universitário Karoline Martins de Lima e Junio Henrique Conde, além do Mérito Universitário Haley Margon Vaz.

Em meio ao canteiro de obras já instalado no terreno, os presentes puderam ouvir da mesa diretiva simbólica o histórico de lutas para se alcançar os recursos para esta construção e os esforços de cada agente envolvido no processo. O terreno de 6.145,67 m² foi uma doação da Prefeitura Municipal de Catalão e fica situado no Bairro Copacabana II. O recurso destinado pelo Ministério da Educação (MEC) para início das obras foi de 1 milhão de reais.

Representantes do movimento estudantil de posse da palavra falaram em tom de agradecimento aos esforços dos gestores da universidade e agentes políticos envolvidos em todo o processo de viabilização deste equipamento social, que irá ampliar ainda mais as políticas de permanência de estudantes na instituição. Ressaltaram também o quanto as movimentações de reivindicação dos estudantes foram fundamentais para fazer o processo sair do papel. “A construção da casa do estudante é uma vitória para o movimento estudantil, uma vitória com muita luta”, afirmou Karoline.

Em sequência, a Diretora da RC Roselma Lucchese fez agradecimentos pontuais a todos aqueles que de alguma forma se envolveram no processo de viabilização da conquista da Casa do Estudante para a Regional Catalão, que se encontra em processo de desmembramento para se tornar a Universidade Federal de Catalão (UFCat). Ela ainda se referiu também à luta histórica até chegar este momento. “Este momento é a representação de uma luta histórica, de muitos envolvidos“, disse Roselma. Ela ainda externou como o projeto da Casa dará aos estudantes contemplados mais do que apenas um abrigo. “Existe uma preocupação com o bem estar do aluno. Não só de abrigo, mas de espaço para saúde do estudante“, expressou. A moradia estudantil contará, além do bloco de alojamentos, com uma quadra poliesportiva para oferecer e incentivar a prática de esportes.

O próximo de posse da palavra foi o Mérito Universitário Haley Margon Vaz, ex-prefeito da cidade e benfeitor de longa data da Regional Catalão/UFG. Haley fez questão de ressaltar que o recurso da casa do estudante é algo fundamental para afirmação da universidade, principalmente pensando na UFCat que está em implantação. “A Universidade não se completaria sem a casa do estudante“, pontuou. Como grande visionário da construção de uma universidade federal autônoma na cidade de Catalão, Haley sempre participou, seja com doações ou esforços políticos, da luta para aquisição de recursos e consolidação de uma universidade em Catalão. Ele alertou, portanto, que a luta por mais conquistas não pode parar. “É preciso lembrar que a luta e a busca das conquistas é interminável. A conquista não é só o prédio (se referindo à Casa do Estudante). Chamo a todos a um comprometimento maior”, ressaltou. 

Já o Vereador Caçula, atual presidente da Câmara Municipal de Vereadores, de posse da palavra relembrou que a casa que ele representa foi unânime em votar a aprovação da doação do terreno em que será edificada a Casa do Estudante. “A câmara foi unânime em votar o projeto enviado pelo prefeito para doação do terreno“, disse. Por fim, externou que a Câmara seguirá de portas abertas para mais ações conjuntas em prol da Universidade Federal de Catalão.

Em seguida, representando o Prefeito Municipal, tomou posse da palavra o Secretario de Educação Leonardo Santa Cecília, que trouxe em suas palavras a felicidade da Gestão Municipal em ter contribuído com essa conquista da universidade doando a área para construção da Casa, que será fundamental para ampliar o acesso e permanência de estudantes na UFCat. “Os alunos precisam de mais do que uma universidade gratuita, precisam de apoio para conseguirem morar na cidade“, afirmou. Ainda em uma fala direcionada aos representantes estudantis, ressaltou que por mais que alguns dos estudantes atuais não estarão mais na universidade para usufruir do recurso quando da finalização da construção do mesmo, ainda assim terão parte em tudo isso. “Aquilo que foi construído fica, pertence a todos”, exclamou.

Por fim, para fechar as falas da Cerimônia, de posse da palavra, o Reitor da UFG Prof. Edward ressaltou o fato desta luta por uma casa do estudante para a Regional Catalão ter mais de 30 anos. E portanto, por necessitar de esforços de várias esferas, além da universitária, para se concretizar, parabenizou a sintonia entre a gestão da cidade e gestão da universidade em prol desta luta. “Fico feliz de ver em Catalão poder público e atores sociais alinhados pela educação“, exclamou. Edward ainda pontuou como esse recurso da Casa do Estudante impulsionará o número de estudantes que buscarão a UFCat e terão condições ampliadas de nela permanecer. “A construção da casa do estudante auxilia na ampliação de políticas de permanência com qualidade”, completou. Para finalizar, ao falar sobre esta conquista do movimento estudantil beneficiar futuros estudantes, ressaltou: “O verdadeiro representante cria para as gerações futuras”.

Após o momento de falas das autoridades, os presentes foram convidados a se dirigirem até a placa de identificação da obra para posarem para uma foto. Após o registro fotográfico, o projeto da Casa do Estudante ficou à disposição para consulta no local e os interessados puderam vislumbrar maiores detalhes a respeito dos prédios que serão construídos, a formatação dos apartamentos, entre outros detalhes.

Obras da Casa do Estudante já estão em andamento. Foto: Ascom – RC -UFG/Reprodução

 

Escrito por: Redação/Ascom – RC/UFG