• 64 99927 3817
anuncie

4 de janeiro de 2019

CURSO DE MEDICINA NA UFG/UFCAT TERÃO AULAS INICIADAS A PARTIR DE MARÇO; MATRICULAS COMEÇARÃO A SEREM FEITAS EM FEVEREIRO

Prédio para as aulas de Anatomia, que vai receber os 50 primeiros alunos do Curso de Medicina de Catalão já está pronto. Foto: Badiinho Filho

Depois de anos e anos de muitas lutas, o sonho agora é uma realidade, é que no dia 13 de março, os 50 primeiros alunos do Curso de Medicina da Universidade Federal de Goiás (UFG/Campus Catalão), que por sinal está em transição para Universidade Federal de Catalão (UFCAT), terão suas aulas iniciadas.

Chefe de Gabinete da Direção Regional da Universidade Federal de Goiás (UFG/Campus Catalão) – UFCAT, Roberto Tavares. Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução Facebook

O Blog do Badiinho conversou com o Chefe de Gabinete da Direção Regional da Universidade Federal de Goiás (UFG/Campus Catalão) – UFCAT, Roberto Tavares, que disse o seguinte: “Badiinho, o Curso de Medicina está seguindo os trâmites de início normal, que passa qualquer outro curso dentro da Universidade Federal. Já têm ele previsto para o Sistema de Seleção Unificada (SISU). Então quem fez as provas do Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM) de 2018, vai poder usar a nota para entrar no Curso de Medicina de Catalão, já no ano de 2019. Em março já teremos alunos na carteira, e o que nós temos hoje, são estruturas físicas que dão para suportar tranquilamente o curso durante dois anos. Existem aqueles outros prédios que estão previstas as construções, mas ainda não existem os recursos para eles. No ano passado o Ex-Ministro da Educação, Rossieli Soares, esteve aqui no dia 21 de maio, se comprometendo em liberar essa verba. Bom, o Governo Temer terminou, agora é outro governo, mas os compromissos que são do Ministério da Educação e Cultura (MEC), são institucionais, ou seja, eles continuam, e a implantação do Curso de Medicina, que inclusive têm uma secretaria própria dentro do MEC para isso vai prosseguir normalmente. Então, a gente enquanto gestão aqui (UFG/UFCAT), vamos correr atrás disso”, disse Roberto Tavares com exclusividade ao Blog do Badiinho.


Estrutura

Estrutura para que alunos do Curso de Medicina possam estudar, inclusive laboratórios já estão assegurados. Foto: Badiinho Filho

Quanto as estruturas, a exemplo dos laboratórios, Roberto Tavares disse o seguinte: “Temos os laboratórios que dão para suportar o curso durante dois anos, temos também 20 professores já concursados e contratados para trabalharem e outros 16 técnicos administrativos”, afirmou.

Estrutura para que alunos do Curso de Medicina possam estudar, inclusive laboratórios já estão assegurados. Foto: Badiinho Filho

Vagas para o Curso de Medicina

O Chefe de Gabinete da Direção da UFG/UFCAT, também disse, que são 50 vagas iniciais para o Curso de Medicina, sendo 25 alunos que iniciarão já no dia 13 de março, e outros 25 em julho deste ano. Segundo Tavares, as duas chamadas, trata-se de uma forma diferenciada por decorrência da metodologia de ensino também ser diferenciada, sendo temáticas ativas, dentre outras ações estratégicas, as quais ele não soube pontuar para o Blog do Badiinho, por não ter conhecimento aprofundado no assunto.

“O que posso afirmar, é que o Curso de Medicina em Catalão vai começar este ano, agora em março já terá aluno, e tudo está em pleno andamento, ou seja, o que compete a UFG Regional Catalão fazer, a direção está fazendo. Os professores já estão aqui, serão 60 professores, temos 20 já contratados, 32 técnicos, que é o pessoal que cuidará dos laboratórios e da parte administrativa, e deste número já temos 16 contratados. Vamos dizer assim, que 1/3 dos professores já estão aqui, metade dos técnicos já estão contratados e os prédios que temos, dá para suportar o curso durante dois anos”, concluiu o Chefe de Gabinete da Direção da UFG/UFCAT.

Em março o Curso de Medicina de Catalão já terá alunos na carteira. Foto: Badiinho Filho

Outro ponto importante levantado por Roberto Tavares, foi a questão de que o Curso de Medicina irá utilizar a estrutura da saúde de Catalão, tanto a pública quanto a privada, pois segundo ele, já teria sido feito convênios com os três hospitais da cidade e com várias clínicas. Estes convênios confirmam que campo de prática para estágios e trabalhos não irão faltar para os futuros médicos, o que deve tranquilizar a população de Catalão em termos de melhorias e disponibilidades de médicos, isso graças ao Curso de Medicina.

Sobre as matrículas, Roberto Tavares, disse que serão iniciadas a partir da divulgação de resultados do calendário do SISU, o que deve acontecer em fevereiro.

Para maiores informações, as pessoas devem ligar no seguinte telefone: (64) 3441-5346, e falar com a Fernanda Belo, na Coordenação de Graduação da UFG/UFCAT.

Em fevereiro será realizada uma coletiva de imprensa pela Direção UFG/UFCAT para maiores esclarecimentos.

 

Escrito por: Badiinho Filho